Vinde

O ser humano, por causa do pecado, vive uma existência repleta de cargas emocionais, psicológicas e espirituais pesadas. A vida não é fácil para ninguém e mais ainda para aqueles que estão cansados, oprimidos, perseguidos e que lutam diariamente com qualquer tipo de doença, injustiça, violência.

Jesus veio principalmente para nos resgatar da ira vindoura e do justo juízo de Deus, mas ao mesmo tempo Ele tem palavras de conforto e esperança para as pessoas que não são incluídas ou que enfrentam qualquer tipo de sofrimento. Jesus veio também para nos libertar da opressão maligna e de certa forma dos fariseus de ontem e de hoje, de todos os religiosos que gostam colocar um fardo pesado na vida dos outros.

Mateus 11:28-30

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Na época de Jesus a Lei era entendida como um jugo, como uma canga, e isso por causa dos escribas e dos doutores os quais haviam transformado a Lei em uma carga pesada para o povo mais simples. Invés de conduzir o povo a Deus, a Lei servia simplesmente para fazer com que os pobres se descobrissem excluídos, rejeitados, isolados.

Totalmente o contrario do ensinamento de Deus, revelado através de Cristo.  Jesus Cristo é manso e humilde, acolhe o pobre, abraça o pecador e o convida à conversão. É um ensino que dá descanso, que traz alegria, que resgata a dignidade humana. Não elimina o compromisso com Ele, mas é um compromisso gostoso de assumir, um fardo que dá sentido à vida, que a fundamenta e por isso se torna leve.

Jesus nos convida a descansar nEle, a colocar o nosso fardo nos ombros dEle. Jesus nos incentiva a entregar toda nossa ansiedade, nossas dificuldades, nossos problemas e sofrimentos aos pês da cruz. Convida a aprender com ele em relação à mansidão e humildade: os mansos e os humildes são aqueles que com mais facilidade se rendem ao Espirito de Deus e, portanto são aqueles que mais poderão se sentir aliviados.

Tomai sobre vos o meu julgo, o meu fardo: ele é leve, é suave.

Jesus era um homem pobre rodeado de pobres. Ele não escolheu os pobres, mas foram os pobres que o escolheram.

Ele já estava sentado à mesa com os seus discípulos, quando chegaram muitos publicanos e pecadores, e se sentaram com Jesus, se juntaram a Ele e aos discípulos.

Mateus 9:9-13

E Jesus, passando adiante dali, viu assentado na alfândega um homem, chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu. E aconteceu que, estando ele em casa sentado à mesa, chegaram muitos publicanos e pecadores, e sentaram-se juntamente com Jesus e seus discípulos.E os fariseus, vendo isto, disseram aos seus discípulos: Por que come o vosso Mestre com os publicanos e pecadores? Jesus, porém, ouvindo, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas, sim, os doentes.Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício. Porque eu não vim a chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento.

Jesus é o mesmo de ontem. Ele veio para aliviar nossa alma oprimida, Ele veio para chamar os pecadores ao arrependimento, Ele veio para tirar o peso do pecado e da morte.

A proposta de Jesus é de uma nova consciência e relação com Deus, de uma nova ética, de uma nova logica que não prevê dominação, mas um se render ao Senhor voluntaria e diariamente. A proposta verdadeira de Jesus para mim e para todos nos é nos valorizar como pessoas e como comunidades em detrimento das instituições, do sistema religioso e dos eventos.

Vinde a mim, diz o Senhor.

SOLI DEO GLORIA

Matteo Attorre

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2016 Evangelho Inegociável | porAgente Host.
Topo
Siga-nos:             
error: Content is protected !!