Salmo 23 Por Robson Sousa

Introdução

Os Salmos é Deus cantando!

O Salmo 23:1-6 é o sermão musical do Rei Davi.

O saltério é a coletânea organizada por Davi; os louvores que nunca sairão de moda, pois o Senhor mesmo disse: Passará os céus e a terra, mas as minhas palavras não hão de passar.

Prefácio

Somos ovelhas de seu pastoreio comprados por um alto preço, conduzidos ao seu aprisco aos cuidados daquele que nos ama; o provedor da vida Jesus Cristo, pastor do único rebanho, a saber; a igreja de Deus. Nessa caminhada tudo depende dele, porque dele, por ele, e para ele, são todas as coisas. Do Senhor é a terra e as ovelhas que nela existem; e nessa estrada da vida passaremos por alguns memoriais inesquecíveis.

Sumario

1- Nada vai faltar

2- Não vai faltar repouso, alimento e água

3- Não vai faltar refrigério, justiça e amor

4- Não vai faltar proteção no vale

5- Não vai faltar banquete, inimigos e unção

6- Não vai faltar misericórdia e bondade

SALMO 23

O  senhor é o meu pastor; nada me faltará.Ele me faz repousar em pastos verdejantes;refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. Ainda que eu ande  pelo vale da sombra e da morte, não temeria mal algum,porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam. Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unges-me a cabeça com óleo; o meu cálice transborda.Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do Senhor para todo o sempre.

Primeiro’ Nada vai faltar’

O Senhor é o meu pastor; nada me faltará.O crente está provido, de alimento e água, anda no caminho do refrigério, tem o Senhor no vale, há banquete para ele, inimigos á espreita, unção do todo poderoso repleta de misericórdia, e bondade do Senhor nas moradas eternas.

Deus como pastor de sua igreja é tanto o criador como o provedor daqueles que o buscam, estes encontrarão favor do Senhor. A graça imerecida daquele que é misericordioso para com o seu povo.

Segundo ‘Não vai faltar Repouso, alimento e água

Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; É ele que conduz o seu rebanho aos pastos verdejantes, lugar de repouso e águas tranquilas; o seu rebanho está provido de alimentos, água e descanso.

O repouso é dado por aquele que diz : Vinde á mim todos que estais cansados e sobrecarregados que eu vos aliviarei e darei descanso para as vossas almas.

O rebanho deve se alimentar por Aquele que disse: Quem não come da minha carne não tem parte comigo; ele ainda diz: Quem beber da água que eu lhe der, nunca mais terá sede.

Em certo lugar diz ás Escrituras: Que depois de um longo descanso, o anjo acorda o profeta e ecoa a sua voz dizendo: Come pão e bebe água porque longa será sua caminhada.

Terceiro ‘Não vai faltar refrigério, justiça e amor’

Refrigera-me a alma. Guia me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. Depois dessa refeição miraculosa, o vigor é restaurado, a alma encontra refrigério; então pé na estrada; os passos de um homem bom são confirmados pelo senhor. O bom pastor está chamando o seu rebanho, com a sua voz doce, como melodia; dizendo: Este é o caminho, andai nele. É por amor de seu nome, que a igreja é conduzida á trilhar a vereda de justiça, andando na contra mão, num mundo corrompido.

Quarto ‘Não vai faltar proteção no vale’

Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam . Nesse ponto, o salmista muda o tom da música.

Na estrada da vida, há vales á serem percorridos, onde  os medos hão de ser superados; porque temos o Senhor no vale.

Se nos pastos verdejantes o rebanho está deitado, como diz o adágio popular : Deita e rola;

No vale da sombra e da morte o rebanho está andando; o vale é lugar de caminhar triunfantemente. As portas do inferno não prevalecerão contra a igreja.

Quinto ‘Não vai faltar banquete, adversários e unção’

Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unges-me a cabeça com óleo; e o meu cálice transborda. Feliz será aquele que comer o banquete no reino de Deus; as iguarias do céus estão no cardápio. A igreja provou do Maná , o pão dos poderosos, Ele lhes mandou comida com abundância. Ele nos deu o pão vivo dos céus, á saber Cristo; somos participantes da mesa do Rei dos reis e Senhor dos senhores.

Uma grande porta se abriu, e há muitos adversários; mas  não há nada e ninguém que poderá nos separar das honras de Deus, pois temos a unção dos santos e sabemos tudo.

Sexto ‘Não vai faltar bondade e misericórdia ‘

Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do Senhor para todo sempre. Os atributos de Deus estão sobre o seu rebanho, bondade e misericórdia ; o rebanho de Deus só está vivo por conta da misericórdia e bondade que vem do Senhor. E Ele o bom pastor usou de bondade para alimentar o seu rebanho nos pastos verdejantes e águas tranquilas, com as iguaris do céu; usou de misericórdia no vale da sombra e da morte.

Agora leva o seu rebanho galopantemente á passos largos para o caminho de seu aprisco; em uma Nova Terra nas moradas Eternas.

O PARAÍSO…

Texto do livreto sobre o salmo 23 escrito pelo Pr. Robson Sousa.

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2016 Evangelho Inegociável | porAgente Host.
Topo
Siga-nos:             
error: Content is protected !!