Privilégios Nossos-

Em sua “piedade” ou devoção religiosa, os cristãos não devem se acomodar nem com o tipo hipócrita dos fariseus, nem com o formalismo mecânico dos pagãos. A piedade cristã deve destacar-se acima de tudo pela realidade, pela sinceridade dos filhos de Deus que vivem na presença de seu Pai celestial. (John Stott)

Ser cristão… Simples ou complexo? Fácil ou pesaroso? Bom ou arriscado?

O que dizer a respeito da cristandade…

Piedade consiste em colocar o caráter de Cristo que existe em nossas vidas para ser executado a favor de outros… Consiste na manifestação de Deus aos homens por meio de nós.

Nos últimos dias temos presenciado um fator extremamente preocupante no meio que se diz ‘cristão’. O pouco envolvimento com os homens tem nos feito sentir-nos privilegiados com relação a eles por causa do Evangelho.

Mas que Evangelho é este pregado entre nós para nos garantir tanto conforto e bem estar, que nos eleva e nos privilegia, proporcionando-nos tudo de bom, enquanto os outros definham em suas crises e infortúnios? Seria este mesmo o verdadeiro Evangelho que Cristo deu sua vida para nos ensinar?

Muito me assusta o fato de termos em nossas cartilhas somente bênçãos e prosperidade, sucesso e felicidade… Muito pouco disso foi descrito nas Escrituras!

A cruz tem poder de Salvação para o homem que está em trevas! Essa é a prioridade do Pai para nós.

Existe um anúncio a respeito do Evangelho fantasioso sendo pronunciado para iludir aqueles a quem Jesus referia-se como doentes (e que na maior parte deles estamos envolvidos, porque ainda não nos curamos de tantos males pelos quais nos envenenamos). Para eles é prometido o Filho que faz o que eles, enfim, quiserem… Um servo à disposição para tudo o que estiver em pauta nas orações… Queremos atraí-los, mas não os conquistamos para o amor de Deus! Estão sendo iludidos com um Evangelho inexistente!

Contudo, fazemos acepção de pessoas… Somos juízes… Temos nos colocado acima de todos e temos nos denominado melhores até que o próprio Filho! Comportamo-nos como quem tem poder até sobre esse ‘Deus’ que nos serve.

Quem somos nós para termos tanto bem e nenhum sofrimento? Denominamo-nos isentos de qualquer problema, pois, afinal de contas, somos de Deus e não podemos ser atingidos por nada de mal. Por que também, se estivermos com algum problema é por que o pecado e o diabo tem nos assolado.

Há uma decepção em saber quão mal e indecente tem sido nosso relacionamento com Deus e Sua Palavra… Quão pouco se sabe sobre Ele a ponto de darmos um exemplo de vida tão ruim aos que estão ansiando por uma gota de esperança…

Cristianismo é muito mais do que uma roupa, uma música ou um discurso… Cristianismo é a vida que quase ninguém está disposto a viver, por que prega a morte do ‘eu’ diariamente, e não faz Deus de servo, mas sim o Senhor soberano do coração e da vida! Que exala humildade e compaixão, e que resgata o coração dos que estão em busca da Verdade, e o conduzem em amor ao Pai, Criador de todos nós!

Estamos precisando repensar sobre o cristianismo que temos vivido e o que Ele quer de nós, para não estarmos fazendo tanta coisa em vão.

Pensemos nisso… Pode ser que achemos lugar de arrependimento em nosso interior, sejamos então aprovados por Ele e úteis para o Seu serviço!

Priscila Mariana Dionor

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2016 Evangelho Inegociável | porAgente Host.
Topo
Siga-nos:             
error: Content is protected !!