Praticar a Palavra

“Portanto, quem ouve estas minhas palavras e as pratica é como um homem prudente que construiu a sua casa sobre a rocha.” (Mateus 7:7)

O problema central hoje em nosso país é justamente falar uma coisa e fazer outra. Nossos lideres estão cheios de conhecimento do que fazer mas não fazem. Falam aos quatro ventos o que é certo e fazem o que é errado.

Facilmente entendemos, o que importa não é se sabemos determinada coisa, mas se a colocamos em prática. Temos quatro níveis nesta vida em que podemos viver:

Nível da Suposição – é quando não sei algo, mas faço uma idéia a respeito. Formo a minha opinião sem a comprovação dos fatos. Poderei no futuro descobrir que estava errado.

Nível do Conhecimento – este vem do fato em si, ou seja, observamos o que acontece ou vivenciamos e então adquirimos o conhecimento. De qualquer forma, ainda não o praticamos, apenas sabemos que qual é a verdade.

Nível da Prática – é quando transformamos o conhecimento em ação. Isto é bom, mas se fizermos uma vez só não irá fazer parte de nós, pois nós humanos precisamos fazer algo repetidas vezes para que se torne um hábito.

Nível da Perícia – este é o patamar que todos precisamos atingir sobre algo que passamos a conhecer. É neste nível que podemos fazer a diferença.

Em relação ao amor de Deus Pai pela humanidade, que deu seu Filho Unigênito por nós, temos muita gente nestes quatro níveis. Temos alguns que supõem que Cristo morreu, mas não experimentou os benefícios da sua morte. Já outros conhecem e reconhecem que Cristo morreu por eles, passou a conhecer o amor de Deus, mas resigna a isto.

Outra parte até já praticou o amor alguma vez, mas está quase se esquecendo de como foi isto, enquanto há uma parcela que tem praticado diariamente, habitualmente e tem feito a diferença nesta vida.

Mas apenas o conhecimento não é suficiente, é preciso ter valores e princípios. Imagine alguém que possui um conhecimento prático, mas valores e princípios deturpados. Teremos uma pessoa de alta capacidade capaz de atos terríveis. O contrário também é verdadeiro, alguém com conhecimento, valores e princípios alinhados à Deus, teremos então uma pessoa que marca uma geração.

Quando temos a Cristo, nosso conhecimento, valores e princípios passam a alinhar-se Nele, o que inicia em nós um processo chamado de santificação. Não é um processo simples e rápido, pois é como se todo um edifício fosse reposicionado em outra direção, exige tempo, esforço e determinação.

Ao concluir este processo na nossa vida seremos muito usados por Deus em Seus maravilhosos e perfeitos propósitos, ao passo que uma parte de nós ficará apenas no nível do conhecimento pela falta da prática constante.

Certo dia, Jim e Joy Dawson, um casal abençoado que trabalha na JOCUM, encontraram-se com uma pessoa e Joy lhe disse algo que mudou a sua vida:

— Deus está lhe dando a possibilidade de ser um dos poucos cuja vida foi uma benção em suas mãos, ou um dos milhares que o decepcionaram.

E para ser um destes poucos, você precisa alcançar um nível mais elevado de prática, valores e princípios. Procedendo assim você também vai adquirir a autoridade para liderar a sua vida e a daqueles que estão próximos a você. Influenciará mais do que será influenciado.

PARA EXERCITAR

Tenho praticado a verdade com princípios e valores?

O que posso fazer para adquirir autoridade e liderar?

“Pai celestial, perdoe-me por todas as vezes em que não pratiquei a verdade e o amor de Cristo. Que não somente o amor, mas toda a tua Palavra passe a tornar-se parte de minha vida e assim eu possa ser um daqueles que são uma benção nas tuas mãos. Amém!”

Luiz Luize

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2016 Evangelho Inegociável | porAgente Host.
Topo
Siga-nos:             
error: Content is protected !!