soberania

Vivemos em uma sociedade corrupta em todos os níveis, especialmente em termos sexuais. A humanidade conseguiu transformar o mundo em um grande palco de imoralidade. Podemos dizer que Sodoma e Gomorra tomaram proporções globais na atualidade. Prostituição e pornografia são coisas absolutamente latentes no ocidente e atingem cada vez mais cedo as pessoas. Se antigamente para se prostituir era necessário freqüentar os prostíbulos noturnos, hoje temos 24h de prostituição online, basta apenas um click.

Como Paul Washer disse ´´somos uma sociedade que temos estuprado a beleza“. De fato temos escancarado nossa perversidade, temos violentado a ´´pureza“. Vemos movimentos que defendem a legalidade da imoralidade dos mais diversos tipos ganharem força como o movimento pró-aborto, movimento feminista (que luta pelo fim do valores tradicionais da mulher na família), movimento gay, movimento de legalização da prostituição e outros. Vivemos em um país onde não é bom se guardar para o casamento, afinal de contas como saber quem é o certo se não experimentar bastante antes não é? Mas parece normal leiloar a virgindade ou então colocar como meta de vida transar com 100 homens diferentes em um ano. Aceitamos músicas que promovem até mesmo a pedofilia explícita e a banalização da mulher como é o caso de muitas letras (será que podemos chamar isso de ´´letra“?) da música funk brasileira. Sexo e dinheiro tem movimentado toda uma indústria neste país. Como as coisas se tornaram assim? Como chegamos neste ponto? Podemos traçar algum motivo? Simplesmente foi a perda dos bons costumes? Ou é porque as pessoas não estão indo mais a igreja?

Como cristãos somos chamados a enxergar de uma maneira bíblica, verdadeira e profunda o que acontece no mundo, ou seja, somos chamados a enxergar através das lentes bíblicas que interpretam verdadeiramente a realidade que nos cerca. O que está realmente acontecendo? Existe alguma esperança para pessoas em uma época como a nossa? Deus ainda é soberano em meio a tanta perversidade e imoralidade que vemos? Ele simplesmente não se afastou e por isso tudo isso aconteceu?

O livro de Romanos em poucos versos nos mostra a causa que há por detrás desta realidade imoral.

´´porquanto, tendo conhecimento de Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças; antes, se tornaram nulos em seus próprios raciocínios, obscurecendo-se-lhes o coração insensato.“ (Rm 1.21)

No verso anterior o Apóstolo Paulo havia dito que Deus se faz conhecido(até seus atributos invisíveis) através das coisas que foram criadas. A criação proclama a Deus (Sl 19.1) e isso coloca o homem em uma situação de indescupabilidade, simplesmente ninguém pode apresentar motivos para dizer que não pode conhecer a Deus. Ele se fez conhecido. João Calvino escreve ´´ainda de tal modo se revelou em toda a obra da criação do mundo, e cada dia nitidamente se manifesta, que eles não podem abrir os olhos sem se verem forçados a contemplá-lo. “ Depois de Paulo deixar claro esse ponto nos mostra qual foi a ação humana. Portadores deste conhecimento que o obrigava a adorar a Deus, eles fizeram justamente o contrário.

Não lhe renderam adoração e a consequência primeira disto foi a nulidade sobre suas mentes, seu coração que é o centro do ser humano, o que é de mais importância no nosso ser e é de onde procede a fonte da vida (Pv.4.23) se tornou insensato. E a parti deste ponto começa toda a ruína humana. A nossa história de imoralidade não começa nos atos de imoralidade, não começa na revolução sexual dos 60 na América, mas sim na não adoração ao Deus Criador de todas as coisas.

E então o próximo passo:

´´ e mudaram a glória do Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e répteis.“ (Rm 1.23)

E Paulo enfatiza a mesma verdade logo depois:

´´ pois eles mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura em lugar do Criador, o qual é bendito eternamente. Amém!“ (Rm 1.25)

Este é o segundo passo da ruína, depois da não adoração ao Deus Criador o que se segue é a idolatria. Quando o homem não atende a verdade o que se segue fatalmente é o paganismo. Não outro caminho a não ser este. Ou adoramos ao Deus vivo ou adoramos aos ídolos que foram frutos das mãos de homens que blasfemaram contra Deus mudando a verdade em mentira, a glória do Deus eterno em imagem de criaturas finitas. João Calvino dizia que o ´´coração do homem é uma fabrica de ídolos“. De fato quando se nega a Adoração a Deus nos tornamos tão nulos que viramos fabricadores de ídolos. Triste fim? Não a ruína ainda não está completa, ainda não parou aí.

E agora chegamos ao ultimo estágio da ruína:

´´ Por isso, Deus entregou tais homens à imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem o seu corpo entre si… Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro.“ (Rm 1.24,26 e 27)

Aqui nós encontramos a nossa realidade latente. A imoralidade humana que vemos hoje não é primariamente causada pela mídia, pelos filmes, músicas, perda da vergonha, relativismo ou por idéias anticristãs que a sociedade tem abarcado, não! Ela é antes de tudo o juízo do próprio Deus sobre uma humanidade idólatra. Podemos dizer com toda a força que perante toda a imoralidade Deus continua sendo Deus, ele é plenamente soberano, ele tem tudo haver com isso que está acontecendo. Como eu posso de dizer isso? A Bíblia diz isso, simplesmente o que você tem visto é o juízo dEle sendo exercido.

O verbo usado para descrever a ação de Deus (´´entregou“) está na voz ativa no grego, isto indica que é uma ação de Deus no qual os homens são objetos passivos, ou seja não foram os homens que a si mesmo se entregaram, não! Deus os entregou como juízo pela idolatria da humanidade. Homens e mulheres foram entregues a ´imundícia“, ´´paixões infames“ justamente ´´para desonrarem o seu corpo entre si“.

Para cometerem ´´torpeza“. Veja que triste realidade. As pessoas olham para isso que vemos hoje, toda essa imoralidade e dizem: ´´Oh! Onde será que está Deus.“ Como você não vê? Isso é o juízo dele! As pessoas dizem: ´´Isso só pode ser a ausência de Deus!“ Não! É justamente o contrário! É a presença da sua ação! É a presença do seu juízo! O fato é que não foi a imoralidade que afastou o homem de Deus. Ou seja eles estavam juntos e foram afastados pela imoralidade, não! Se existe imoralidade gritante no mundo como vemos hoje é a prova que Deus já abandonou tal mundo em seus próprios pecados. John MacArthur pregou um sermão intitulado: Deus abandonou a América. De fato vemos isso nos Estados Unidos ao não adorar o verdadeiro Deus e abandonar o cristianismo esta nação tem se transformado na nação mais corrupta e perversa do mundo. A nação que outrora levou o evangelho ao mundo através de suas muitas igrejas hoje tem levado a imundícia e a transgressão.

A humanidade deveria honrar a Deus com os seus corpos, deveriam refletir a sua glória, consagrando-os a adoração de Deus. Mas não fizeram isso e pecaram terrivelmente contra Deus. E é como se Deus estivesse dizendo: Vocês não me adoraram com os seus corpos, com o fôlego de Vida que Eu dei a vocês e então agora eu vou entregar vocês a imoralidade para destruição dos seus próprios corpos pelos seus atos pecaminosos, sujos.

E é isso o que mais ocorre hoje, são pessoas destruindo seus corpos. Acham senhores de si mesmo, mas servem ao pecado e destroem eles mesmos suas vidas. Acham bonito lutarem pelo padrão homossexual ou pela legalização da prostituição e das drogas, mas não conseguem ver (pois são nulos em seus próprios raciocínios) que estão rumo a auto-destruição. Que evolução é esta afinal? A evolução da destruição!

Com as lentes da Escritura podemos ver que está imoralidade está diretamente relacionada a idolatria e a não adoração ao Deus Criador. Você quer medir o grau de idolatria na sociedade, veja o quanto imoral ela é! Ou você quer um medidor correto e verdadeiro para a imoralidade, veja o quanto idolatra ela é. Francis Schaeffer já dizia que o século 21 seria marcado pelo Hedonismo. E de fato já vivemos plenamente essa triste ´´profecia“. O culto ao prazer é idolatria. E isso só acaba em ruína total cominando na imoralidade que destrói o homem e a mulher.

Ainda há esperança para nós? O Apóstolo Paulo trabalha esse tema que vai do primeiro capítulo até o começo do terceiro para demonstra que todos ´´estão debaixo do pecado“. Para mostrar que estamos todos debaixo da condenação justa e totalmente soberana de Deus (Ele é totalmente soberano mesmo em um mundo imoral). Para então mostrar a maravilhosa redenção e justiça de Deus que há em Jesus Cristo. Deus manifestou para este mundo perdido o caminho para a justificação e redenção. Somente Jesus Cristo pagou os nossos pecados e satisfez a perfeita justiça de Deus pelo seu sangue derramado na cruz.

E agora a todos que tem fé em Jesus são justificados por Deus. Ainda há esperança para homens e mulheres em uma sociedade imoral. E essa esperança é o Evangelho de Cristo. Não adianta lutarmos contra essa imoralidade com simples moralismo ou legalismo. Somente o Evangelho de Cristo pode redimir o homem. E esta é a missão da Igreja, anunciar Cristo para este mundo.

por Laurindo Neto

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

© 2016 Evangelho Inegociável | porAgente Host.
Topo
Siga-nos:             
error: Content is protected !!